Dr. Paulo Henrique C. Araújo - Osteopata C.O.

Osteopata C.O.

Fisioterapeuta

CREFITO 29683-F

Fale Conosco
(62) 3941-4382

Fundamentos da Técnica

 A pedra fundamental desta técnica é a noção da importância da informação, como é igualmente o caso na imunologia, onde o reconhecimento do antígeno é necessário para a produção de anticorpos; e na psicologia onde a verbalização da emoção é necessária para a eliminação.


Nosso organismo é levado a controlar permanentemente um número importante de informações e, dependendo do tipo de informação encontrado, deverá por vezes se defender e, portanto, rejeitar em caso de perigo potencial. Se este trabalho simples não é realizado, a informação agressora irá se instalar no corpo. O objetivo da técnica é encontrar através da micropalpação o local da marca ou rastro de sua inscrição, ler as informações memorizadas pelo organismo devido à agressão, e estimular este local com gesto palpatório específico para que a informação que foi estocada possa desaparecer. O corpo, portanto encontra uma possibilidade de eliminação da informação agressora.

Informação

A informação é a percepção, por uma pessoa, de uma modificação de seu ambiente exterior ou interior, levando a uma reação corporal ou mental consecutiva. Isto pode vir de uma simples sensação, de uma dor devido à perda de alguém, passando também por uma mudança climática ou por reação a um produto químico.

Ritmo vital (Mecanismo Respiratório Primário)

Cada tecido que compõe o corpo humano é um conjunto de células animadas por oscilações e movimentos visíveis ao microscópio, sabemos que tudo que é vivo possui movimento. Sutherland, osteopata americano, fundador da osteopatia craniana, foi o primeiro a observar as junções cranianas e descobrir que as mesmas se destinavam ao movimento, apesar de sua aparência imóvel e dura, Sutherland percebeu um sutil movimento dos ossos do crânio e a continuidade deste movimento rítmico através de todos os tecidos do corpo. Ele observou que estes movimentos podiam ser percebidos a palpação manual e que apresentavam um ritmo vital de 8 a 12 movimentos por minuto e que as alterações deste ritmo também estavam relacionadas à saúde do individuo.

Ao estudar os detalhes do crânio desarticulado, Sutherland observou a junção entre o osso temporal e a grande asa do esfenóide “formato oblíquo como as guelras do peixe”, indicando a ocorrência de movimento para o mecanismo articular craniano, parecido com o movimento respiratório. Para Sutherland, o movimento craniano parecia um movimento de inspiração e expiração e ele nomeou sua descoberta como: “Mecanismo Respiratório Primário” (MRP) e reconheceu este fenômeno como a maior expressão vital.

Os trabalhos de Sutherland sobre os micros movimentos geraram as bases da microkinesitherapie, servindo na identificação das disfunções. Foi necessário ainda explicar porque um choque sobre uma determinada zona do corpo podia provocar sintomas variados e incômodos em regiões distantes do local afetado inicialmente. Todo problema em microkinesitherapie consiste em encontrar a causa inicial memorizada e armazenada em alguma parte do organismo, mas não obrigatoriamente no local onde o paciente apresenta sua queixa e nem exatamente onde podemos observar as alterações nas funções ou estruturas.

Para esta técnica a chave da leitura da patologia é a embriologia e podemos observar que o ritmo vital normal dos tecidos orgânicos varia segundo a sua origem embriológica. Desta maneira, observamos um ritmo de 03 segundos para ida e 03 para volta, ou seja, um período total de 06 segundos para o tecido originário do tecido embriológico mesoblástico: músculos, ossos (é o MRP de Sutherland), tendões, ligamentos, derme (pele). Um período de 30 segundos para o tecido proveniente do ectoblasto: que origina o sistema nervoso, a epiderme e os anexos, e de 60 segundos para as mucosas derivadas do endoblasto.

Fale Conosco (62) 3941-4382
Rede Social twitterfacebook
Cadastre seu e-mail e receba informativo.
Sextenssência - Rua 13 Setor MaristaRua 13, N°1436, St. Marista Goiânia ( Próximo à T-9 )

Copyright © Microfisioterapia 2012. Todos os direitos Reservados.

Desenvolvido PelaDesenvolvimento de Sites Goiânia